Livro: Aconselhamento Pastoral

De uma maneira ou de outra, pesquisas muito confiáveis demonstram que metade da população mundial sofre de algum tipo de problema de ordem afetiva ou emocional – e por que não dizer também espiritual – e necessita de orientação específica de alguém especializado a fim de superar tais dificuldades.
  • Autor: Cláudio Correia
  • Avaliação:  (7 avaliações)
  •  Versão Impressa
  •  Versão Digital (Online)

978-85-60068-3-26

160

2013

Nº Páginas

Peso

Ano

De uma maneira ou de outra, pesquisas muito confiáveis demonstram que metade da população mundial sofre de algum tipo de problema de ordem afetiva ou emocional – e por que não dizer também espiritual – e necessita de orientação específica de alguém especializado a fim de superar tais dificuldades.

No desejo de contribuir com a preparação da Igreja para enfrentar esta tarefa tão urgente e necessária, mas muitas vezes negligenciada, é que o presente volume foi escrito, tendo como fundamento que as palavras bíblicas “aconselhamento” e “discipulado” guardam muitas coisas em comum e o cuidado com tais atividades, bem com suas implicações, podem garantir a saúde do Corpo de Cristo, como veremos em cada uma das unidades a seguir.

Muitos pessoas em nossas Igrejas passam por provações, tristezas  e decepções, o que confirma as palavras do Senhor Jesus Cristo “no mundo tereis aflições”. Além disso, lutas com emoções negativas e pecados, ou ainda hábitos fora da vontade de Deus arraigados no íntimo de nosso ser, problemas na comunicação conjugal, explosões de ira, entre outras dificuldades, fazem parte da luta diária de muitos cristãos, que precisam de uma orientação pessoal, afetiva e individualizada a fim de receberem o apoio necessário para vencer seus  conflitos, sejam eles de ordem interna (interior/espiritual) ou externa (mundo/tentações).

Como a Igreja poderia fazer frente à este desafio? Na humilde opinião pessoal deste autor, a resposta bíblica e segura para isto encontra-se na obediência ao mandamento “aconselhai-vos uns aos outros” (Cl 3.16).

Para contribuir neste propósito, cada uma das unidades deste livro propõe tratar de como colocar isto em prática na Igreja, tendo como base a construção da relação de ajuda através do aconselhamento bíblico e destacando alguns problemas freqüentes em nossa geração e, ao mesmo tempo, sugerindo algumas soluções, dicas e orientações aos irmãos que se sentirem chamados para este ministério de apoio às pessoas que, muitas vezes em silêncio, lutam e sofrem dentro de nossas comunidades.

Esperamos que muitos crentes sejam alcançados com os desafios que veremos a seguir e consagrem suas vidas na dedicação para a melhor preparação de obreiros para este importante serviço espiritual dentro do Corpo de Cristo: apoiar pessoas que sofrem. Se for assim, poderemos repetir a respeito da Igreja de nossos dias aquilo que o apóstolo Paulo escreveu no século I acerca da Igreja em Roma: “Meus irmãos, eu mesmo estou convencido de que vocês estão cheios de bondade e plenamente instruídos, sendo capazes de aconselharem uns aos outros” (Rm 15.14).

Mesmo reconhecendo que este é um livro introdutório, nossa esperança é que os obreiros da santa seara sejam despertados e instrumentalizados para que a Igreja coloque em prática o mandamento do aconselhamento, dinamizando nossas comunidades e abençoando as pessoas que necessitam de apoio específico para superação de seus problemas, dilemas e crises pessoais.

Este livro faz parte do Curso Avançado em Teologia